Postagens

Categoria principal do blog onde se encontram todas as postagens criadas pela idealizadora Céu Marques.

Reclamar / Reclamar de

Além das regências mostradas na imagem, o verbo reclamar também pode ser classificado como intransitivo e transitivo direto e indireto. Veja os exemplos: Todos reclamaram bastante. (VI) O condenado reclamou perdão ao rei. (VTDI)

Interjeição

As interjeições costumam ser classificadas de acordo com o sentimento que traduzem. A lista apresenta as que são mais usadas. Ela poderia ser acrescida de várias outras palavras que, dependendo do contexto em que ocorrem,

Infinitivo x Futuro do Subjuntivo

É muito comum as pessoas usarem o infinitivo no lugar do futuro do subjuntivo. Veja alguns exemplos: Se a empresa manter... (mantiver). Se o professor propor (propuser). Depois que você ver o filme... (vir). Quando

Oxítonas terminadas em -u

É muito comum encontrarmos palavras oxítonas terminadas em -u acentuadas. Um erro, já que apenas as oxítonas terminadas em -a(s), -e(s), -o(s), -em e -ens recebem acento. Lembrando que palavra oxítona é aquela cuja

Objeto Direto Pleonástico

Para entender melhor o assunto, é bom lembrar que pleonasmo é um recurso estilístico que se caracteriza pela repetição de uma ideia já apresentada. Por exemplo: subir pra cima, descer pra baixo, entrar

Discurso Direto e Discurso Indireto

Vamos aos exemplos para entender melhor essas mudanças! Discurso direto: - Eu vou à festa se você me acompanhar. – disse João. Discurso indireto: João disse que ia à festa se Maria o acompanhasse.

Vossa Excelência / Sua Excelência

Todos os pronomes de tratamento fazem concordância com a terceira pessoa do singular ou do plural. (Vossa Senhoria fez boa viagem? / Vossas Senhorias fizeram boa viagem?) Logo, os pronomes relacionados a essas formas também

Verbos Impessoais

Temos sujeito inexistente quando os verbos são empregados impessoalmente nas orações, ou seja, não se referem a nenhuma pessoa gramatical, não há nenhum elemento ao qual o predicado de refira. Diz-se, então, que o sujeito

Cacofonia

Na maioria das vezes, sequer percebemos que estamos criando um cacófato, pois ele só se revela quando pronunciado, especialmente se a pessoa que leu não fez as pausas ou entonações adequadas. Para eliminar a cacofonia,

Preposição

As preposições essenciais são: a, ante, até, após, com, contra, de, desde, em, entre, para, perante, por (per), sem, sob, sobre, trás. Elas são chamadas essenciais, pois sempre desempenham a função de preposição. Temos também