Quanto mais se estuda a língua portuguesa, mais dúvidas temos. De vez em quando, cansa, pois sempre esbarramos com uma dificuldade que nos impede de continuar a elaboração de um texto ou a finalização de um trabalho. No entanto, digo que é exatamente esse "cansar" que torna a língua portuguesa fascinante e viciante.